Gadget feito do site Bíblia Online


11.4.10

VIVENDO NOS TEMPOS DA ESPERA!...




Jesus ensinou que a verdadeira fidelidade somente é plenamente confirmada na ausência daquele [a] a quem a pessoa se confessa fiel.

Por isto Ele conta Parábolas que nos dão conta de que a fidelidade dos discípulos seria medida na “espera”.

É o servo que em razão da espera e da demora se torna senhor das coisas de seu Senhor, e como “dono usurpador”, passa a maltratar os que a ele haviam sido confiados para que deles cuidasse com amor.

São as Virgens que dormem e não vigiam a chegada do noivo...

É o homem que esconde o talento por que teme que o Senhor seja mal... E que na “demora” aumenta sua visão perversa acerca do Senhor.

São os discípulos que, pela demora, se tornam omissos e cínicos...

É agora, nesta hora de “demora”, de “espera”, quando tantos estão cumprindo as Profecias Parabólicas de Jesus de modo negativo, tornando-se a expressão dos servos maus, das virgens distraídas, do homem que via perversidade em Deus e que escondia a Graça em sua vida, e dos muitos omissos que não vêem Jesus nos pequeninos desta vida, que, todos nós estamos sendo mais provados do que nunca.

Sim, é neste tempo de falência das “Igrejas do Cristianismo”, quando quase toda unção é armação, e quase todo ministério é negócio, e quando o amor rareia e a iniqüidade cresce como câncer em metástase, sim, exatamente agora estamos sendo convidados a espantarmos a maldade de sobre nós, a vigiarmos com o coração aquecido por fogo ardente, mantendo a alegria no viver os dons de Deus neste mundo, sempre buscando ver Jesus em todos os seres humanos — especialmente os mais dês-parecidos com Ele na História.

Veja quem você está se tornando neste tempo de “espera”!

Pedro também disse que a “espera” geraria muitos cínicos!

Quem perde a “exultação da esperança” infalivelmente se torna como Jesus disse nas Parábolas Proféticas acerca deste tempo e desta hora; SIM, até agora nos fala hoje mais do que em qualquer outra Era antes desta.

Sim! Salve-se mediante uma esperança que se vivifica todos os dias na alegria do Evangelho.

Nele, que me manda relembrar isto para mim mesmo e para todos,

Caio
http://caiofabio.net

Nenhum comentário: